Número total de visualizações de página

quarta-feira, dezembro 19, 2012

...ao cuspir para o ar ...

O JULGAMENTO 

Sabes que não aconselho o julgamento. Sabes que julgar é achar-se mais que os outros. E considerar que sabes tudo, e que os outros não sabem nada. É considerar que só tu tens a receita do bom desenvolvimento dos acontecimentos, e que todas as tentativas que os outros empreendem são inúteis ou descabidas. Isso é julgar. Julgar é incitar à separação. 

Agora, quero falar sobre a análise. Analisar é pensar se uma coisa está correcta ou incorrecta sob o ponto de vista da tua própria energia. E isso eu recomendo vivamente. Há pessoas hoje que não analisam nada com medo de estarem a julgar. Pensam que o próprio facto de analisar, tentar perceber o que é bom ou mau para si próprias é um julgamento. E assim vão andando sem perceber nada do que lhes acontece à conta de terem perdido o poder de análise. 

Resumindo, podes pensar assim: Se eu considerar que uma pessoa ou coisa estão certas em relação à minha própria energia, estou a analisar. Se considerar que o outro «tinha» ou «devia» fazer de forma diferente, e que é um «isto» ou um «aquilo» por não ter feito, isso é julgamento. 

Como dizia alguém aí em baixo: «Posso não concordar contigo, mas vou enfrentar o mundo para defender o direito que tens em o fazer.» E isso faz toda a diferença. 


Jesus 

quarta-feira, dezembro 12, 2012

sábado, dezembro 08, 2012

...olhos lindos .-)



"Já tive noites mal dormidas,
perdi pessoas muito queridas
cumpri coisas não-prometidas
Muitas vezes eu desisti sem mesmo tentar

pensei em fugir, para não enfrentar,
sorri para não chorar
Eu sinto pelas coisas que não mudei
amizades que não cultivei aqueles que eu julguei
coisas que eu falei
Tenho saudade de pessoas que fui conhecendo
lembranças que fui esquecendo amigos que acabei perdendo
Mas continuo vivendo e aprendendo.

terça-feira, dezembro 04, 2012

...verdade verdadinhas...

...não é bem o Crer mas mais o Confiar...